Polícia deflagra Operação Conexão Artificial em Teresina e Luís Correia

Oito pessoas foram presas por policiais da DEPRE
Foto: reproduçãoOperação Conexão Artificial prendeu 08 pessoas
Operação Conexão Artificial prendeu 08 pessoas

  

Policiais da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre) deflagraram na manhã desta quinta-feira (22) a operação Conexão Artificial para coibir o tráfico de drogas sintéticas no Piauí. Oito pessoas foram presas em Teresina e Luís Correia.

A investigação partiu das últimas prisões feitas pela Polícia, em que verificou a conexão entre os suspeitos que faziam a comercialização da Skank, Haxixe, Crumble, MDMA e Ecstasy.

“Durante o ano de 2020 e 2021 foram presos vários integrantes deste grupo, sendo que alguns permanecem no sistema prisional até o momento. Os investigados residiam em apartamentos da zona leste da capital e um alvo conseguiu decisão judicial para importar sementes e cultivar canabis sativa para fins medicinais. Após meses de investigação e com os indícios suficientes do cometimento dos crimes de associação para o tráfico e tráfico de drogas, foi representado pelas prisões preventivas dos investigados, sendo que após parecer favorável do Ministério Público e deferimento do Juiz da Central de Inquéritos de Teresina-PI, foram expedidos os mandados de prisão preventiva e busca e apreensão dos alvos da referida operação” disse a coordenação da Depre por meio de nota.

A operação contou com o apoio operacional da Delegacia Regional de Parnaíba, Diretoria de Inteligência da PCPI e Diretoria de Inteligência da PMPI.