Março Lilás: especialista fala sobre a importância da prevenção

O exame é indolor e causa no máximo uma sensação de desconforto.

Conscientizar as mulheres sobre a importância de fazer o exame de prevenção ao câncer de colo uterino, mais conhecido como Papanicolau, é o objetivo da campanha Março Lilás, mês alusivo ao combate a esse tipo de doença. De acordo com ginecologista e obstetra da Clínica Intermed, Karol Reis( CRM PI 5633 ), esse exame é uma estratégia bastante efetiva no combate a esse tipo de tumor, assim como a vacinação contra o HPV (Papilomavírus Humano).

Foto: AscomMarço Lilás: especialista fala sobre a importância da prevenção
Março Lilás: especialista fala sobre a importância da prevenção

  “Trata-se de um exame simples e bastante rápido. Além de ser eficaz na prevenção do câncer de colo uterino, o Papanicolau detecta infecções vaginais, entre elas as infecções sexualmente transmissíveis. O exame é indolor e causa no máximo uma sensação de desconforto. A detecção precoce do câncer é uma estratégia para encontrar um tumor numa fase inicial e, assim, possibilitar maior chance de cura com o tratamento”, explicou.

Karol disse ainda que esse exame deve ser realizado por toda mulher que tem ou já teve vida sexual e que estão entre 25 e 64 anos de idade. Devido à longa evolução da doença, o exame pode ser realizado a cada três anos. Para maior segurança do diagnóstico, os dois primeiros exames devem ser anuais. Se os resultados estiverem normais, sua repetição só será necessária após três anos.

“Não podemos esquecer da importância da vacinação contra o HPV. Vários estudos mostram que a vacina é o melhor método de prevenção. Ela é segura e eficaz. Quanto mais cedo for a vacinação, maior a chance de se evitar o aparecimento do tumor. Essa diminuição do risco chega a ser de 90% quando as crianças são vacinadas. Vale ressaltar que o benefício da vacina também atinge outros cânceres relacionados ao HPV, como os tumores da vulva, canal anal, garganta e pênis”, destacou Karol.

 Legenda:  Ginecologista e obstetra da Clínica Intermed, Karol Reis.