Ex-prefeito de Cristino Castro morre uma semana após a esposa

Ele estava internado há cerca de 40 dias em um hospital particular de Teresina

O ex-prefeito do município de Cristino Castro, Petrônio Falcão morreu na madrugada deste sábado (30) aos 81 anos. Ele estava internado há cerca de 40 dias em um hospital particular de Teresina em recuperação após ter superado a Covid-19 e em tratamento contra complicações ocasionadas pela doença.

Petrônio Falcão morreu exatamente uma semana após a esposa, Cleonice Falcão, que foi vítima da Covid-19. Ele também havia perdido recentemente dois cunhados, que também morreram após complicações da Covid-19. 

Prefeito de Cristino Castro por quatro mandatos, Petrônio Falcão era considerado uma das figuras políticas mais influentes de sua região.