Conheça o suspense da Netflix que está traumatizando os assinantes

Veja trailer

 O catálogo da Netflix é bastante vasto entre os diversos gêneros que a plataforma oferece e, muitas vezes, bons títulos acabam passando despercebidos.

Um deles é o suspense ‘Sequestrando Stella‘, disponível desde julho de 2019.

No entanto, o público vem comentando bastante sobre o longa recentemente por conta de sua trama tensa, fria e angustiante.

Escrito e dirigido por Thomas Sieben em 2019, o longa alemão é um remake de ‘O Desaparecimento de Alice Creed‘, suspense britânico dirigido dez anos antes por J. Blakeson, roteirista de ‘Eu Me Importo’.

Na trama, a jovem que dá título ao filme permanece sob cárcere privado de uma dupla de bandidos, mas acaba desenvolvendo uma estranha conexão com um deles, o que leva a um desfecho bastante improvável.

Impedida de se alimentar sozinha ou até mesmo de fazer suas necessidades fisiológicas sem ser vigiada, a personagem vivida por Jella Haase (‘Dane-se Goethe’) tenta bolar uma estratégia se aproveitando dessa conexão com o sequestrador interpretado por Max von der Groeben (‘Dane-se Goethe’).

E o que mais assusta os espectadores é que a trama do filme gira em torno de uma reviravolta que vem se tornando cada vez mais próxima da realidade… E que poderia acontecer com qualquer pessoa que você conheça.

Apesar de ter recebido apenas 33% de aprovação no Rotten Tomatoes, o longa se tornou uma obsessão para o público europeu na primeira semana de lançamento, registrando nada menos que 18 milhões de visualizações.

Assista ao trailer: